Norma de Pintura Industrial: Como funciona e sua Importância

norma tubulação industrial
Norma de Tubulação Industrial: Entenda como funciona
outubro 7, 2021
normal pintura industrial

A Norma de Pintura Industrial estabelece o procedimento correto para a preparação de superfícies de aço. Conheça a Norma de Pintura Industrial!

A Norma de Pintura Industrial regula o procedimento correto para a preparação de superfícies de aço. 

Sendo uma técnica que promove a proteção contra a corrosão, a pintura industrial também pode ter objetivos estéticos.

O aço, sendo um metal de baixo custo e com boas propriedades mecânicas, é um dos materiais mais utilizados pela indústria.

No entanto, sua característica negativa é a corrosão quando em contato com o meio ambiente.

E uma das formas mais baratas de inibir esse problema é com a pintura industrial. 

Para entender como funciona esse procedimento e quais as normas estabelecidas para seu sucesso, continue neste artigo!

Como funciona a Norma de Pintura Industrial?

O procedimento de pintura industrial possui alguns parâmetros mínimos de qualidade que contribuem para uma maior eficiência e durabilidade dos equipamentos.

Sendo de extrema importância para o combate do processo corrosivo, essa alternativa também serve para o cumprimento da legislação.

Entre as principais vantagens da pintura industrial, estão:

  • Impermeabilização;
  • Aumento da durabilidade do aço;
  • Impedimento da aderência de vida marinha em cascos;
  • Fácil manutenção
  • Proteção eficiente contra agentes corrosivos;
  • Sinalização;
  • Redução da perda por evaporação.

Com a finalidade de cumprir com a Norma de Pintura Industrial, o processo segue duas etapas essenciais: a preparação da superfície e a pintura propriamente dita.

Para ser considerada eficiente, a película de tinta deve apresentar coesão, adesão ao substrato, resistência química e absorção e transferência de umidade.

Qual é a norma de pintura industrial?

normal pintura industrial

A Norma de Pintura Industrial, ou NBR 7348:2017, define as regras para a preparação de superfícies de aço com jateamento abrasivo ou hidrojateamento à ultra-alta pressão (acima de 206 MPa).

A decapagem com jato abrasivo, ou decapagem mecânica, consiste na propulsão de um fluxo de material abrasivo contra uma superfície em alta velocidade.

Dessa forma, provocando um processo de erosão, tornando o material rugoso, dando formas ou removendo seus contaminantes.

Já o processo de hidrojateamento utiliza jatos de água com máxima potência para a realização de limpeza de superfícies como:

  • Tubulações;
  • Equipamentos;
  • Filtros;
  • Máquinas.

Criada pela ABNT e em vigor desde 2007, a NBR 7348 passou por algumas modificações até a sua versão mais recente, de 2017.

Assim, sendo capaz de atender e regular os novos instrumentos existentes na indústria.

Qual o objetivo da norma NBR 7348?

O objetivo da Norma de Pintura Industrial é instituir condições mínimas exigíveis para a aplicação de pintura industrial de maneira eficiente.

Muito além da finalidade estética, ela serve para garantir uma maior segurança e durabilidade em relação aos equipamentos.

Entre as suas exigências, está o uso de materiais específicos para o procedimento de pintura.

Outro ponto importante estabelecido pela NBR 7348 é o cumprimento das corretas etapas de preparação e revestimento.

O processo utiliza tintas certificadas e padronizadas, que permitem a proteção necessária e maior eficiência na cobertura.

Em geral, as tintas industriais são de fácil aplicação, podendo ser comercializadas prontas para uso, como as à base de resina Epóxi ou Poliuretano.

Importância da Norma de Pintura Industrial

A pintura industrial ocorre em um contexto onde existem atividades de risco elevado. 

Afinal, os serviços de pintura envolvem o uso de produtos tóxicos e inflamáveis, além do manuseio de equipamentos de alta pressão para a preparação de superfícies e aplicação da tinta.

Por conta disso, a Norma de Pintura Industrial se mostra bastante relevante.

Definindo quais as etapas necessárias para um procedimento, ela contribui para evitar diversos problemas, como:

  • Contaminação de produtos;
  • Danos em equipamentos;
  • Explosão e ferimento de colaboradores.

Para um bom cumprimento da NBR 7348, a contratação dos chamados Inspetores de Pintura Industrial também é indicada.

Possuindo treinamento técnico e certificação adequada, esses profissionais são devidamente preparados para o acompanhamento do procedimento de pintura.

Desse modo, garantindo o uso correto dos instrumentos e produtos, além de um resultado eficiente e satisfatório no material.

Quais são os procedimentos básicos para trabalhar com pintura industrial?

A Norma de Pintura Industrial serve para garantir o tratamento adequado das superfícies de aço, deixando-as em perfeitas condições para o recebimento da pintura e sua adesão.

Cada tipo de tinta possui especificações próprias no que diz respeito à finalidade, ambiente de exposição e durabilidade.

Inicialmente, a superfície a ser pintada deve ser inspecionada com a finalidade de encontrar imperfeições e sujidades.

Após isso, é recomendada a limpeza com solventes ou detergentes, de acordo com a necessidade.

Esse tipo de procedimento pode ser tanto manual quanto mecânico, utilizando as normas ABNT NBR 15239.

No caso de superfícies usinadas de flanges e conexões, é necessária a cobertura por meio de um tampo ou lona plástica para proteção do jateamento.

O uso do jateamento deve ser feito com cautela, a fim de não prejudicar ou causar dano às estruturas e equipamentos adjacentes.

Ações necessárias para a pintura industrial

Alguns procedimentos são fundamentais para o correto uso de produtos e maior segurança dos profissionais envolvidos na pintura industrial.

Para a operação de mistura, em recipientes abertos, é importante estar em locais com boa ventilação e distantes de centelhas ou fogo.

A preparação das tintas deve incluir a homogeneização antes e durante a aplicação, a fim de manter o pigmento.

No caso de tintas com dois ou mais componentes, estes precisam de homogeneização separada, antes da mistura.

Dessa forma, é possível evitar veios ou faixas de cores diferentes, garantindo uma aparência uniforme ao produto.

Ainda, no que se refere à diluição das tintas, deve ser respeitado o diluente especificado pelo seu fabricante, assim como a quantidade a ser utilizada.

No caso de equipamentos, tubulações ou estruturas que exigem solda durante a montagem, a região a ser soldada deve ser deixada sem pintura.

Somente após a solda, testes e liberação do material, é que deve ocorrer o preparo de superfície e aplicação do esquema de pintura.

Como a Tornado pode te ajudar?

norma pintura industrial

A Tornado é a primeira empresa brasileira a fabricar equipamentos Airless elétricos e pneumáticos.

Com preços baixos, tecnologia internacional e atenção no pós-venda, oferecemos serviços como: fabricação e instalação de equipamentos e sistemas de distribuição de fluidos.

Além disso, temos equipamentos de pulverização, distribuição, transferência, medição, proporção, mistura e dosagem para uma ampla gama de líquidos e semi-sólidos como Pintura, Selante, Adesivo, Cera, Óleo, Graxa, Solventes , etc.

Encontre os melhores equipamentos de pintura industrial no site da Tornado!

Conclusão

Cumprir com a regulamentação imposta pela NBR 7348 é de suma importância para proteger materiais em aço contra agentes corrosivos.

Além disso, ela também ajuda as empresas a evitarem inúmeros riscos oferecidos aos colaboradores, assim como eventuais consequências de acidentes no trabalho.

Portanto, não deixe de se atentar à Norma de Pintura Industrial sempre que optar por esse procedimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *