Mais resultados

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Bomba de Pintura
Pistola de Pintura
Tanque de Pressão
Bomba Duplo Diaframa
Acessórios p/ Pintura Industrial

Qual a Melhor Máquina de Pintura Airless: Saiba qual é o Equipamento Ideal para seu Projeto

As indústrias são setores que necessitam de mão de obra pesada em série. Para isso, são necessários equipamentos rápidos e potentes, como as máquinas de pintura industrial.

A pintura é uma das etapas essenciais para a proteção e durabilidade dos materiais existentes ou produzidos nas indústrias.

Aliado a isso, o uso de equipamentos adequados oferece melhores resultados e mais produtividade para esse procedimento.

Afinal, as tecnologias atuais são capazes de diminuir o desperdício de materiais e tornar a pintura ainda mais eficiente.

Se você tem dúvidas sobre quais as melhores máquinas de pintura industrial e onde encontrar a opção adequada para o que você precisa, continue neste artigo!

Como funcionam as máquinas de pintura industrial?

As máquinas de pintura industrial são equipamentos de pintura voltados para serviços de grande porte, como pintura de fachadas, pisos e telhados.

Usadas tanto no setor de construção civil quanto nas indústrias, elas oferecem maior potência e técnica adequada para acelerar procedimentos.

Entretanto, além de aumentar a velocidade da pintura, elas também são fundamentais para a cobertura adequada de materiais metálicos.

E por isso, oferecem uma proteção completa contra agentes naturais causadores da corrosão.

Devido à sua versatilidade e potência, é possível usar máquinas de pintura industrial para pintar:

  • Fábricas;
  • Materiais metálicos;
  • Tubulações;
  • Veículos;
  • Aeronaves;
  • Estaleiros etc.

Para atender a tantos setores, diversos modelos de máquinas de pintura industrial são produzidos. 

Variando entre técnica, capacidade, potência e usabilidade, elas são a opção ideal para quem busca por revestimentos de alta qualidade.

Quais os tipos de máquinas de pintura industrial?

 

Apesar dos modelos variados, existem apenas dois tipos de máquinas de pintura. 

Ambas possuem uma ampla variedade de aplicações, atendendo demandas de pequeno, médio e grande porte.

No entanto, mesmo com finalidades semelhantes, cada uma utiliza técnicas distintas. Por isso, possuem vantagens e desvantagens nos procedimentos de pintura industrial.

Sabendo disso, é importante fazer uma análise criteriosa antes de escolher a opção mais adequada entre elas. Confira abaixo as principais informações:

Máquinas Airless

As máquinas de pintura industrial Airless funcionam como um pulverizador e trabalham com um pistão de alta pressão.

Diferente dos modelos mais comuns, usados em pinturas domésticas, por exemplo, elas não utilizam ar comprimido. Por isso o nome da marca é ‘Airless’ (‘Air’ significa ‘ar’ em inglês e ‘Less’ significa ‘menos’).

Ao invés do ar comprimido, as máquinas Airless fazem a atomização, ou quebra do fluido em pequenas partículas, por pressão.

Nesse sentido, a tinta é bombeada em alta velocidade até o bico do spray, tendo o jato rompido quando em contato com o ar.

A quebra do fluido em pequenas partículas forma um spray em forma de leque.

Entretanto, por não envolver o uso de ar comprimido, o spray das máquinas Airless se diferencia evitando a formação de névoas de tinta.

Como resultado, esses equipamentos oferecem uma melhor distribuição de matéria-prima e diminuem o desperdício.

Vale ressaltar que, com pressão variando de 500 a 3.000 psi, os equipamentos de Pintura Airless permitem a projeção da tinta sob diferentes condições e com alta velocidade.

A maioria das máquinas são feitas para os trabalhos de pintura do setor industrial.

Elas podem ser usadas nos seguintes setores: fábricas, automotivo, estaleiro, veículos blindados, aeronaves, ferrovias, equipamentos para dragas, assembleia geral, embalagens, impressão e publicação, madeira e produtos de madeira, agricultura, alimentos, cuidados pessoais e farmácia, eletrônicos, energia, óleo e gás natural.

Compressor

A pintura com compressor de ar funciona de modo diferente do que a com equipamento Airless.

Nesse caso, usando o ar comprimido, o equipamento faz um movimento que empurra a tinta do reservatório e dispara o jato dissipado na superfície a ser revestida.

A técnica utiliza motor elétrico ou a gás e é uma alternativa para pintar materiais e superfícies com mais velocidade do que usando pincéis e rolos.

Dependendo do tamanho e potência, a pressão dos compressores fica entre 40 e 200 libras, com transferência de tinta atingindo os 20%. 

Sendo assim, 80% do que sai da pistola do compressor é ar, formando em uma névoa de tinta que causa sujeitas e compromete outras superfícies.

Como resultado, o rendimento do material dentro do compressor acaba sendo mais baixo, apesar da boa cobertura oferecida na pintura.

Por conta disso, o uso de pistolas com compressores é mais indicado para procedimentos de pequeno porte e de curta distância.

Na indústria, os compressores acabam desperdiçando mais tinta e aumentando o tempo de pintura, se comparados com as máquinas Airless.

Como fazer a limpeza de máquinas de pintura industrial?

Como fazer a limpeza de máquina airless

 

Depois de finalizado o serviço, é importante limpar corretamente o equipamento de pintura industrial para evitar acúmulos de tinta e entupimento dos bicos.

Para isso, é necessário eliminar a pressão da máquina para evitar acidentes por injeção de tinta (alta pressão e ferimentos na pele).

Ao final do uso, sempre trave o gatilho da pistola, desligue a bomba no botão ON/OFF e libere toda a pressão.

Basta virar o PRIME/SPRAY para a função PRIME e sem seguida disparar o jato em um balde de tinta. Após isso, você deve travar a pistola de pulverização.

Na limpeza, quando a máquina for utilizada para pintar com tintas com látex, a limpeza do pulverizador deve ser feita com água morna e sabão.

Quando utilizar tintas à base de óleo, é necessário usar líquidos minerais. Se o solvente for usado para limpar tintas com látex, é provável que a mistura se transforme em uma substância gelatinosa e de difícil remoção.

Após a limpeza, que demanda a retirada de algumas peças (descritas no manual da máquina) é importante fazer a correta lubrificação do pulverizador.

Desse modo, garantindo uma operação segura e eficiente na próxima utilização.

Qual a melhor opção de máquina para pintura industrial?

Para definir qual a melhor máquina para pintura industrial, é importante ter bem claro qual a sua necessidade com este tipo de equipamento.

Afinal, cada tipo de máquina oferece um resultado adequado para uma finalidade específica.

No caso dos compressores, como já citado, o uso dessas máquinas por ar comprimido resulta em uma forte névoa de tinta.

Por isso, é mais indicado que elas sejam usadas para aumentar a produtividade em serviços menores, como pinturas de muros e fachadas residenciais.

Ao mesmo tempo, existem também opções de máquinas de pintura Airless para uso residencial. Com a MMA370 Menegotti, é possível revestir paredes, telhados, pisos, móveis, muros e até prédios sem formação de névoa e com ainda mais velocidade.

No setor industrial, as máquinas Airless se destacam ainda mais pelo menor disperdício e maior capacidade de pintura.

Entre as opções mais potentes, podemos citar a Bomba Tiger, ideal para produtos mais viscosos e trabalho simultâneo.

Além disso, para um serviço ainda mais pesado, existe a Bomba Heaven, maior Bomba Airless em produção em série no mundo e única com motor pneumático de 350CC.

Feita para tintas de 80% a 100% de sólidos por volume, ela tem capacidade adequada para aplicar qualquer produto.

Por que a máquina Airless é a melhor?

Máquinas pintura indústria

 

É possível citar diversos motivos para que as Máquinas Airless sejam mais recomendadas do que os compressores tradicionais.

Entre os principais benefícios das máquinas de pintura industrial Airless, estão:

Evita sujeira e desperdício

Por causa do jato em forma de leque, a tinta não forma névoa quando sai da máquina.

Dessa forma, não respinga em todo lugar e evita a sujeira em superfícies próximas. 

Com equipamentos de pinturas tradicionais, como compressores, a pintura é mais trabalhosa, pois causa respingos. 

Além da sujeira, as máquinas Airless evitam o desperdício, já que não há muitos respingos e aumenta o rendimento da tinta.

Oferece mais velocidade

Quando utilizadas por profissionais qualificados, as máquinas de pintura Airless podem pintar até 1000m2 em uma hora, já que liberam a tinta em grande velocidade.

Usando esse tipo de máquina, o tempo de pintura pode ser reduzido em até 75% em comparação com a pintura que usa ferramentas tradicionais. 

Além disso, a mangueira da máquina Airless é de longa distância, o que possibilita a pintura em grandes superfícies sem mudar a máquina de lugar.

Pintura uniforme

Outra vantagem das máquinas Airless é que elas possibilitam uma pintura uniforme, já que o jato de tinta é liberado de forma homogênea. 

As máquinas podem ser utilizadas até em superfícies com textura, irregularidades ou rachaduras.

Qual a melhor máquina de pintura airless?

Afinal, qual a melhor máquina de pintura airless? Não existe uma resposta concreta para determinar a melhor máquina de pintura airless, uma vez que a máquina ideal dependerá do projeto de pintura. 

As necessidades de cada projeto, como o tamanho da área a ser pintada, o tipo de superfície, a viscosidade da tinta e outros pontos influenciam a escolha da máquina.

Ou seja, diferentes projetos demandam diferentes capacidades de máquinas. Isso porque uma máquina ideal para pintura de paredes externas de edifícios pode não ser a melhor escolha para projetos internos ou detalhados em superfícies menores. 

Por isso, veja a natureza da superfície a ser pintada. Por exemplo, superfícies como madeira, metal, concreto ou gesso requerem diferentes configurações de máquina para lidar com a aderência da tinta e a textura.

A escolha informada da máquina airless resultará em uma aplicação de tinta eficaz e de alta qualidade, alinhada com os objetivos do projeto. 

Como escolher a máquina de pintura airless mais adequada?

Para escolher a melhor máquina de pintura airless é necessário prestar atenção nos mínimos detalhes do projeto. 

Para fazer a escolha certa, é fundamental avaliar as especialidades do projeto em questão. 

Primeiramente, leve em consideração o tamanho da área a ser pintada. Isso porque projetos maiores demandam máquinas com alta vazão e pressão. 

Por outro lado, projetos que são menores podem ser realizados eficientemente com máquinas mais compactas. 

Além disso, é importante considerar o tipo de superfície que será pintada. Superfícies diferentes requerem ajustes específicos de pressão e bicos de pulverização. 

Outro fator a ser considerado na hora da escolha da sua máquina é a viscosidade. Tintas mais densas precisam de máquinas capazes de lidar com a consistência do produto.

Não podemos esquecer de um fator muito importante: o acabamento. 

Projetos que demandam detalhamentos e um acabamento refinado exigem máquinas que permitam ajustes mais eficazes. 

Por que é vantajoso contar com uma máquina de pintura airless?

Pintura airless desvantagens

 

A principal vantagem de contar com uma máquina de pintura airless está na capacidade de pulverização de tinta de maneira uniforme e eficaz. 

A tecnologia airless atomiza a tinta em partículas finas, resultando em uma cobertura homogênea e sem marcas, independentemente do tipo de superfície. 

Além disso, a rapidez da aplicação é notável. As máquinas airless permitem cobrir áreas maiores em menos tempo em comparação a outras técnicas de pintura. 

A eficiência é mais aprimorada pela redução de desperdício de tinta, uma vez que a pulverização precisa minimizar o excesso de tinta. 

Outro ponto positivo é a versatilidade das máquinas airless. Elas se adaptam a diferentes tipos de superfícies, texturas e viscosidades de tinta, proporcionando resultados mais satisfatórios.

Além disso, a aplicação airless é menos propensa a deixar marcas de pincel ou rolo, contribuindo para um acabamento mais profissional. 

Não podemos esquecer que a economia de mão de obra é uma vantagem considerável.

A aplicação manual exige mais esforço e tempo, enquanto uma máquina airless simplifica o processo e reduz a necessidade de mão de obra extensiva. 

Em quais serviços posso usar uma máquina de pintura airless?

Como a máquina de pintura airless é um equipamento versátil, é possível utilizá-la em diversas aplicações. Vamos conhecer algumas delas? Veja abaixo! 

  • Pintura de Paredes e Tetos: Uma máquina airless é ideal para pintar paredes e tetos em ambientes residenciais, comerciais ou industriais.
  • Pintura de Fachadas: Para pintar fachadas de edifícios, especialmente aqueles com várias histórias, uma máquina airless é altamente eficaz devido à sua capacidade de atingir alturas consideráveis com pulverização consistente.
  • Pintura de Estruturas Metálicas: Superfícies metálicas, como portões, grades, corrimãos e estruturas industriais, podem ser pintadas de forma eficiente e uniforme com uma máquina airless.
  • Pintura de Móveis e Madeira: Máquinas airless podem ser usadas para pintar móveis, decks e outras superfícies de madeira, proporcionando um acabamento suave e profissional.
  • Pintura de Superfícies Externas: Isso inclui tudo, desde barracas de feiras a contêineres, onde uma aplicação uniforme e rápida é essencial.
  • Projetos de Restauração: Em projetos de restauração de edifícios antigos ou estruturas históricas, a tecnologia airless pode preservar a integridade do projeto enquanto fornece uma nova camada de tinta de maneira uniforme.
  • Aplicação de Tintas Epóxi e Revestimentos: Máquinas airless são frequentemente usadas para aplicar tintas epóxi e revestimentos protetores em pisos industriais, garagens e outras áreas que requerem durabilidade.

Esses são apenas alguns dos principais exemplos das aplicações em que uma máquina de pintura airless pode ser utilizada. 

Por conta da sua versatilidade, eficiência e capacidade de fornecer uma pulverização uniforme, ela se torna uma ferramenta valiosa em diversas aplicações de pintura.

Máquinas de pintura Airless é na Tornado

 

Agora que você já sabe quais são as melhores máquinas de pintura industrial, conheça a Tornado. 

A Tornado foi a primeira empresa brasileira a fabricar equipamentos Airless elétricos e pneumáticos.

Ela é uma empresa que faz a fabricação e instalação de equipamentos de distribuição de fluídos e fornece diversos equipamentos de pintura Airless.

Entre os equipamentos oferecidos há bombas, pistolas, motores, agitadores, tanques de pressão e acessórios como mangueiras, filtros, copo de pistolas e bicos.

A empresa tem parceria com empresas internacionais e importa tecnologias que ainda são inexistentes no Brasil. 

Para comprar as máquinas de pintura industrial Airless basta entrar em contato com a Tornado. Você pode também consultar os seguintes catálogos virtuais da Tornado com nossos produtos Airless:

Quer iniciar o seu projeto com a máquina airless ideal para sua pintura? Então, conte com a Tornado e faça o seu orçamento agora mesmo! 

Conclusão

O uso de máquinas de pintura industrial com tecnologia Airless oferece muito mais vantagens para qualquer área e necessidade.

Seja para diminuir o desperdício, aumentar a velocidade de execução ou revestir os mais diversos tipos de superfícies, elas são as opções mais adequadas.

Buscando por máquinas de pintura industrial para otimizar o seu serviço? Acesse o site da Tornado para encontrar as melhores opções do mercado para o que você precisa!

Quer saber como utilizar a máquina de pintura airless? Então, confira o guia completo que a Tornado preparou para você! 

Leia também: NR 16: Um Guia Completo para Entender a Norma!

Compartilhar:

Artigos Relacionados

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress